Pão sem amassar – passo a passo – Tackling Bittman

Foi com esta receita que pela primeira vez vi Mark Bittman, e por isso vai ser com ela que inicio a minha participação no grupo Tackling Bittman. A anfitriã este mês é fantástica Girlichef, que tem um site de fazer inveja! Lembro-me que alguém postou num fórum de pessoas estrangeiras a viver na Suécia, um link para o vídeo no No Knead Bread do NYT. Foi amor à primeira vista, depois de tentar em casa a receita, enviei o link também para o meu irmão que se tornou ele próprio um seguidor fanático de Mark Bittman. Como podem ver a minha receita é um pouco diferente da original, porque uso mais água e uma mistura de farinha de trigo e centeio.   Aqui fica a  minha versão do pão sem amassar, delicioso e estaladiço, a melhor receita de pão que conheço.

Como a massa demora bastantes horas a levedar o melhor é prepararem-na na véspera de cozer o pão, à noite. Vão precisar de uma panela de ferro, de um pyrex com tampa, ou uma panela de barro especial para fazer pão. O objectivo é cozer o pão a uma temperatura elevada o que lhe dá um aspecto e sabor muito semelhantes ao nosso pão tradicional de Mafra ou ao pão alentejano.  O resultado final vai depender também da farinha e percentagem de água. Uma massa mais seca resulta num pão mais pesado e compacto. Uma massa mais húmida cria um pão com muitos buracos e mais leve. Esta receita é a minha versão da receita original que podem ler aqui. Eu uso uma mistura de farinha de trigo (farinha vulgar) e farinha de centeio para criar um pão rústico, mas de acordo com o vosso gosto e o que tiverem em casa, podem optar por usar outros tipos de farinha. A minha panela é grande e oval, por isso o resultado é um pão mais baixo  com muita côdea, como gostamos cá em casa.

Ingredientes:

  • 3oo gramas de farinha de trigo.
  • 150 gramas de farinha de centeio
  • 0.5 litro de água
  • 1/2  colher de café de fermento de padeiro seco (em pó)
  • 2  colheres de chá de sal
  • farinha de trigo ou de milho para polvilhar. (a farinha de milho ajuda a criar uma côdea mais douradinha)

Preparação:

Numa tigela grande misturem todos os ingrediente(excepto a farinha de milho) O  objectivo é criar uma massa húmida, não se cansem a bater, não vale a pena.

Cubram a tigela com um pano e deixem a massa descansar durante 12 a dezoito horas. (Eu deixo a minha dentro do forno desligado.)

Passado este tempo, verão que a massa está ainda mais líquida e cheia de bolinhas de ar.

Polvilhem a massa com a  farinha de milho. Podem fazê-lo na bancada da cozinha, ou com uma colher ir afastando a massa das paredes da tigela e polvilhando até que a massa deslize levemente. Deixem descansar duas horas.

Liguem o forno no máximo e aqueçam a vossa panela (com tampa).

Transfiram a massa para dentro da panela quente e tapem-na. (Cuidado com esta operação, a panela está a ferver.)

Coloquem a panela de novo no forno e assem o vosso pão durante 30 minutos a 225ºC. Retirem a tampa e assem durante mais 20 minutos.

Assim que o pão estiver pronto retirem-no do forno e virem a panela sobre um pano de cozinha. Resistam e deixem-no arrefecer um pouco antes de irem buscar a manteiga ao frigorífico!

About these ads

10 comments

  1. This is so great, Ana! I can see how it made you an instant Bittman fan! I have actually had this recipe marked to make for some time now…and you’ve inspired me to get in the kitchen and bake a loaf this week. Thank you very much for sharing this with Tackling Bittman this month :)

  2. Ola Ana, Fantastico post!!
    Eu fiz essa receita com farinha de trigo integral mas ficou muito liquida, será normal? esperei 10 horas e não tinha crescido!! então retirei como disseste misturei mais uma boa porção de farinha para ser fácil de trabalhar e repousou mais 2 horas mas tb não cresceu…!! será normal? usei aquele fermento em pó para bolos do continente, será por isso? Obrigada! o seu pão parece magnifico!

  3. Olá, eu peguei nessa receita e fiz a massa com 500gr de farinha de trigo e 250 gr de Okara(soja), polvilhei com farinha de milho, usei fermento fresco de padeiro 25gr e uma colher de chá de fermento em pó, em vez de água utilizei leite de soja feito em casa. Cozi num tacho largo de inox com tampa tal como as instruções. Ficou uma delicia e com muito bom aspeto.

  4. Oi Ana! Procurando alguma receita de pão, querendo eu que fosse de imediato, encontrei a receita desse pão. Fiz… deixei fernentar por 18hs.. , colequei na panela de ferro. Valeu a pena, e muito! Fiz ontem com centeio e hoje novamente nas com apenas farinha branca. Não sei qual ficou melhor. Andei”vasculhando” o seu blog e tem muita coisa que me lembra infância, doces de Natal. Que irei ainda fazer. Desculpa um pouco o português porque sou do Brasil.(Santa Catarina-Florianópolis) Um grande abraço. Arthur. Ah tenho fotos dos pães!

    1. Esqueci de falar! Nunca comentei alguma receita que fiz, adoro cozinhar, mas esse pão ficou tão bom que fui obrigado. Um abraço!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s