Confit de laranja

Confit de laranja – alquimia na cozinha – Orange Confit – tackling Bittman

Recipe in English – Bittman video -  here

Alquimia é como Mark Bittman, descreve esta receita do seu amigo Scott Carsberg,  e é verdade, com açúcar e água se transformam laranjas em ouro.  O meu irmão, outro admirador do minimalista, preparou esta receita para o Natal, é absolutamente fantástica.    As laranjas não ficam demasiado doces, nem sabem minimamente a laranjas cristalizadas. Esta receita serve 16, mas como depois de pronta dura no frigorífico meses, vale a pena o investimento inicial. Com uma bola de gelado ou um pouco de chantilly, têm uma sobremesa rica e requintada em segundos. Não se assustem com os nomes das técnicas, tempo que demora a concluir a  receita, e quantidade de açúcar que vamos usar. Verão que como todas as coisas perfeitas, é no fundo bastante simples.
 
Aproveito este post para participar no Tackling Bittman de Março, que está  este mês a decorrer em casa da Chaya no My sweet and Savory
.
 

 

Termos culinários que podem desconhecer:

 - Confit – é uma forma muito antiga de preservar comida e teve origem em França. Obtém-se preparando um alimento  mergulhando-o noutra  substância (azeite, gordura de pato, água e açúcar..) de modo a preservá-lo e dar-lhe sabor.

 - Branquear – é uma técnica na qual se fervem os alimentos, geralmente vegetais, durante breves momentos.  Para impedir que os alimentos continuem a cozinhar, retiram-se rapidamente da água a ferver e mergulham-se em água gelada. (Nesta receita não se usa a segunda parte)

Ingredientes:

4 laranja

1,150 kg de açúcar

Preparação:

Coloquem as laranjas inteiras numa panela com água, deixem ferver durante 30 segundos. Troquem a água e repitam a operação. (a esta técnica chama-se branquear)

Cortem cuidadosamente as laranjas em quartos. Voltem a colocá-las na panela com metade do açúcar e cubram a mistura com água. Deixem ferver no mais mínimo dos lumes, durante 8 horas, vão acrescentando aos poucos água de modo a que as laranjas estejam sempre cobertas. (Podem desligar o lume e voltar a ligar desde que no fim o tempo totalize oito horas)

Passadas estas oito horas, retirem cuidadosamente as laranjas da panela, deitem fora a calda de açúcar e água. Voltem a colocar as laranjas na panela, cubram com o restante açúcar e água, fervam durante mais oito horas.

Deixem arrefecer bem e guardem em frascos impecavelmente limpos no frigorífico.

About these ads

2 comments

  1. Hi Ana :) You can submit any post that contains a recipe from, adapted from, inspired by Mark Bittman. Or a review of his books, website, work, him in general. Anything that is basically related to Mark Bittman is accepted. I wasn’t quite clear if this was a recipe inspired by or adapted from him. BUT, if it was, then YES, please go ahead and add your links and join me for Tackling Bittman this month! The last day to enter is the end of January…and you may enter as many times as you wish (in separate posts). I look forward to seeing you there :)

  2. Oi Ana, obrigada pela dica desta receita. Muito interessante mesmo e fica com uma cor linda! Eu nunca tinha ouvido falar em confit de laranja :) Vivendo e aprendendo!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s