Arruma-se o Natal – Syllabub com glögg e a maravilhosa Mrs Beeton

A custo aceito que o Natal terminou. Em nossa casa não temos muitas decorações e por isso arrumar o Natal faz-se em minutos. A parte mais difícil é retirar as luzes que na Suécia muitas pessoas colocam nas janelas e que aquecem principalmente quem anda na rua ao frio. Sem elas o frio e a escuridão parecem ainda mais intensas e pesadas. Por aqui ainda temos  glögg e bolachinhas de especiarias, e foi com elas que fiz esta deliciosa e super rápida sobremesa. Como sabem o syllabub é uma sobremesa tradicional inglesa, criada no século XVI e que graças a Mrs Beeton muito em voga durante a época vitoriana.

Embora tenha morrido antes dos trinta anos, Mrs Beeton é ainda hoje considerada a rainha de todas as fadas do lar, o que seria de Martha Stewart ou da Nigella se esta senhora, autora do famoso Mrs Beeton’s Book of Household Management, não tivesse existido.

Esta enorme e completíssima obra contem não só receitas, como é um guia de gestão do lar para a dona de casa do século XIX. As receitas, como acontece nestes livros mais antigos, reflectem os gostos e ingredientes da época e a nós parecem-nos no mínimo estranhas. Para mim muito mais interessantes são os capítulos dedicados à gestão do lar,  que nos dão um retrato real da vida em família e sociedade vitoriana. Por já ter perdido os seus direitos de autor o livro pode ser lido online por exemplo aqui. (não sei se está completo ainda não o li todo.)

Há pouco tempo vi um documentário muitíssimo interessante de Sophie Dahl  – The Marvellous Mrs. Beeton e que podem ver na integra no you tube. Estou certa de que vão gostar.

E com tanta conversa, quase me esquecia da receita!

Usei glögg, doce de lingon e bolachas de especiarias, mas podem usar outras bebidas alcoólicas, de preferência previamente aquecidas e enriquecidas com canela ou outras especiarias, e outro doce e bolachas ao vosso gosto. Não pestanejem ou perdem as indicações :)

Ingredientes: (4 taças)

  • 4 colheres de sopa de doce de lingon
  • 1 dl de glögg
  • 3 dl de natas batidas
  • 1 dl de iogurte grego (mínimo 3% de gordura)
  • Bolachas de especiarias para decorar.

Preparação:

Coloquem um pouco de doce de lingon no fundo de cada taça. Misturem, sem bater, as natas e o iogurte, envolvam o glögg. Dividam o preparado pelas taças. Decorem com as bolachinhas e reservem no frigorífico até servir.

About these ads

14 comments

    1. Maria João,
      Muito obrigada pelas suas palavras. Eu acho sempre que as minhas imagens são péssimas, nem sabe com as suas palavras me animam!
      um abraço e até breve.

  1. Ana ao ler a tua introdução dois pensamentos me vieram à ideia:
    1-O Natal está no coração e pode ser todos os dias (cuidado, no entanto com a engorda ih ih ih)
    2-a escuridão da Suécia e o significado importate dessas luzes…
    Lembrei-me ainda que há luzes (velas) nas portas das casas que têm festas (ainda há esse hábito?) assim sendo…e se o Natal é todos os dias…podes manter as luzinhas… Que dizes?
    Qto ao teu Syllabub com glögg…está uma autentica tentação (obrigada pelo enquadramento histórico)
    Bjs :) :) :)

  2. Olá, Ana. Também me custa sempre arrumar o meu Natal. Eu, que fico eufórica ao montar a árvore, só podia ficar tristíssima quando chega a hora de a desfazer. Neste momento, apesar de sentir que já não é Natal, ainda estou a ver as luzinhas a piscar e está a saber-me bem. Só a devo desmontar amanhã ou no domingo.
    Gostei muito da tua receita. Vou procurar ver o documentário de que falas. Obrigada pelas referências.
    Beijinhos

  3. É sempre um pouco nostálgico, os dias que sucedem o Natal. Mas podemos sempre ter o natal todos os dias, o espírito que o celebra (as receitas gulosas é que temos de ter alguma calma, para não exagerar :) ). Esse docinho está perfeito, com o aroma natalício. Vou ver o tal documentário.
    Um beijinho.

  4. Oh Ana estou sempre a aprender com os teus maravilhosos posts! Vou investigar esta fada do lar dos tempos vitorianos!
    Bem haja pela partilha, bom fim de semana!
    ***

  5. Olá Ana, eu também já arrumei o natal, ou melhor, o meu marido arrumou ontem. Como não estava em condições, ele fez-me esse favor, para mim foi um alivio. Depois de passar o ano o natal nada me diz. Fico inquieta para arrumar tudo e começar uma nova etapa, por isso preciso de arrumar a casa primeiro.
    Gostei da tua sugestão de sobremesa rápida deve ser deliciosa com esses maravilhosos biscoitos. Agora vou ver se consigo ver a reportagem no youtube sobre essa senhora.

    Beijinhos

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s