Cozinha da Ásia e do Médio Oriente · cremes, dips, snacks e molhos salgados · Mark Bittman · refeições rápidas

Hummus

Homus, Hommos,  ou Hummus em inglês, é um prato de origem árabe, cujo nome significa simplesmente –  grão. É um creme usado como acompanhamento ou dip, feito com base na mistura de grão cozido e tahini, ou pasta de sementes de sésamo, e temperado com limão, alho, paprika e azeite. Fiz esta receita partindo da origianl de Mark Bittman que podem ver aqui
Segundo a tradição este é um dos pratos mais antigos da nossa história, mas na realidade as primeiras receitas escritas de hummus datam apenas do século XIII. Para além de delicioso o hummus é também riquíssimo em termos nutritivos e muito usado nos regimes vegetariano e vegan.  É rico em ferro e vitamina C, proteínas e fibras, além de ter quantidades significativas de ácido fólico e vitamina B6.
 

Em casa sirvo hummus frequentemente a acompanhar legumes grelhados, com pão pita, ou o pão libanês grelhado, azeitonas e cubinhos de queijo feta.

 Na minha receita não uso tahini (pasta de sementes de sésamo), porque detesto o sabor desta pasta, mas são livres de a acrescentar, por vossa própria conta e risco, ao hummus.

Uma nota sobre o alho, que é utilizado cru nesta receita. Se querem de alguma forma atenuar os efeitos e o sabor forte do alho, cozam-no ou assem-no no forno antes de o adicionar ao grão. De outra forma preparem-se para que nenhum vampiro se aproxime de vocês nesse dia, depois não digam que não avisei…

Ingredientes:

  • 1 lata de grão cozido  (se cozerem o vosso próprio grão, melhor)
  • 3 colheres de sopa de azeite (mais um pouco para decorar)
  • 1 limão (sumo e raspa)
  • 1 dente de alho
  • 1 pitada de paprika
  • Água ou agua de cozer o grão
  • Salsa picada para decorar
  • Sal e pimenta se necessário (o grão em lata pode já ser salgado o suficiente.)

 

Preparação:

Fácil, mais fácil não há!

Coloquem todos os ingredientes no copo da varinha mágica ou no processador de alimentos.

Triturem tudo e vão acrescentando mais água, ou a água de cozer o grão, se necessário, até obterem a consistência desejada. Rectifiquem os temperos e sirvam decorado com paprika, salsa,  e um fiozinho de azeite.

A marmita do viking · Carne · Cozinha da Ásia e do Médio Oriente

Frango Shawarma e Seven Spices

Frango Shawarma e Seven Spices

A cozinha libanesa, muito popular na Suécia devido ao grande número de imigrantes do Médio Oriente que aqui vivem, é uma das minhas favoritas. É uma cozinha rica em modos de preparar os ingredientes simples e cheios de sabor.
 A Shawarma é uma forma de preparar carne, marinando-a e depois grelhando-a nuns grandes espetos rotativos. Serve-se geralmente cortada em fatias embrulhada em pão pita e acompanhada de molhos como o hummus, o molho de alho, e o tahini. Podem ver muitas e deliciosas receitas da cozinha libanesa aqui – lebaneserecipe  As carnes mais comuns na cozinha libanesa são o frango e o cordeiro, mas podem obviamente utilizar esta deliciosa marinada com qualquer outro tipo de carne.
 
 

 Eu utilizei peitos de frango, sem ossos nem gordura, por isso para conseguir que ficassem douradinhos, depois de prontos passei-os por um frigideira com uma colher de manteiga.

 Essencial para esta receita é o seven spices que como o nome indica, não é uma especiaria mas sim a mistura de 7!

Este preparado é muito comum em receitas da Ásia e do Médio Oriente e pode variar tanto nos ingredientes como na proporção em que são combinados. Podem comprar o 7 spices já preparado, ou seguindo o vosso gosto, fazer a vossa própria mistura. O 7 spices que tenho em casa foi comprado numa das lojas que importam produtos de países do Médio Oriente e contem uma mistura das seguintes especiarias: coentros, cominhos, pimenta, canela, gengibre, cravinho, cardamomo.

 Ingredientes (para 4 pessoas)

  • • 1 frango cortado em pedaços, ou quatro peitos de frango, ou coxas de frango…..
  • • 1 dl de vinagre
  • • 1 colher de sobremesa de 7 spices (ou uma pitada de cada uma das especiarias que indiquei e que tenham em casa)
  • • ½ dl de iogurte natural
  • • Sal e pimenta

Preparação:

Num saco de plástico misturem todos os ingredientes e deixem marinar. (podem preparar a receita de véspera ou até congelar a carne já marinada)

Coloquem o frango com a marinada numa travessa e assem em forno quente, durante 30 minutos. (quinze minutos de cada lado) Este período é o indicado para frango com pele e osso, peitos de frango vão demorar menos tempo! Para obter um aspecto douradinho, coloquem a o frango com a pele virada para cima, pincelem com um pouco de gordura e liguem o grill durante alguns minutos. Se estão a cozinhar peitos de frango sem pele, sigam a minha sugestão no início do post.