A minha vida na Suécia · Cremes, molhos, gelados e mousses

Quase, quase Primavera e um gelado com sabor a Sol

Daqui a pouco o nosso jardim, ainda há umas semanas  coberto de neve, volta a ganhar vida. Da arrecadação saem as mesas e cadeiras, abrem-se os chapéus-de-sol, a fonte é descoberta e posta a funcionar. Em dias  tudo se transforma, há pássaros a beber e brincar na fonte, voltamos a encontrar a família de coelhos dos quais durante o Inverno só vemos as pegadinhas na neve. Incapazes a resistir ao apelo do Sol e do calor, todos descemos ao jardim.

 Deitamo-nos ao Sol neste jardim feito praia onde  em vez de areia quente, sentimos entre os dedinhos do pés a relva ainda meio adormecida, e no lugar do cheiro a mar e protector solar, nos deliciamos com o aroma das flores que despertam. Cheira a rosas e alfazema, sabemos que o Verão se aproxima. 

 Enquanto sonho com a chegada destes dias, a minha época favorita do ano, enquanto o Sol ainda aparece tímido e volta a esconder-se durante dias, enquanto ainda faz tanto frio que ainda saímos de luvas, consolo-me com este gelado, tão perfumado e doce que nem as borboletas lhe resistem.

Gelado de alfazema com borboletas de chocolate.

Para esta receita uso açúcar com alfazema feito com flores do jardim da minha sogra. Na página da Anasbageri no FB, há informação sobre onde podem encontrar este açúcar à venda em Portugal.   Desenhei as borboletas apenas com chocolate derretido sobre papel vegetal.

Ingredientes para  aproximadamente 4 dl de gelado:

  • 1 dl de natas (podem usar natas light, mas não fica tão cremoso)
  •  1,5 dl de leite
  • 2 gemas
  • 60 gramas de  açúcar de alfazema
  • Flores de alfazema e borboletas de chocolate para decorar.

Preparação:

Combinem o leite e as natas numa caçarola anti-aderente, levem ao lume. Ao mesmo tempo batam as gemas e o açúcar  até obterem um creme leve e fofo. Assim que o leite e as natas levantarem fervura, retirem do lume. Com uma concha vão misturando aos poucos as natas e o leite com os ovos e o açúcar. Levem o creme a lume brando até engrossar. Não parem de mexer, até notarem que o creme engrossou um pouco. (Temperatura de 73ºC, caso estejam a usar um termómetro.)

Passem o creme por um passador de rede fina e coloquem-no no frigorífico até estar completamente frio. Gelem seguindo as indicações das vossas sorveteiras. Caso não tenha sorveteira, coloquem o gelado no congelador e de vez em quando batam o creme com a batedeira enquanto está a solidificar para evitar que se formem cristais de gelo.

Sirvam decorado com alfazema e borboletas ou um pouco de chocolate ralado.